Bombarral Homepage  BOMBARRAL
  • Facebook
  • Twitter

Momento contou com a presença do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas

Bombarral inaugurou Gabinete de Apoio ao Emigrante

26-07-2018
Bombarral inaugurou Gabinete de Apoio ao Emigrante
[+] Fotos
O Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Luís Carneiro, e o presidente da Câmara Municipal do Bombarral, Ricardo Fernandes, inauguraram esta quinta-feira, dia 26 de julho de 2018, o Gabinete de Apoio ao Emigrante.

Este novo serviço disponibilizado pela autarquia bombarralense, em articulação com outros serviços da Administração Pública, tem por finalidade, entre outras valias, apoiar os cidadãos que pretendam emigrar e os que se encontrem a residir e a trabalhar nos países de acolhimento, assim como dar apoio e acompanhar aqueles que regressem definitivamente ao seu país de origem.

Com a criação deste gabinete, pretende-se igualmente promover o aproveitamento do poder económico das comunidades portuguesas, associado às potencialidades oferecidas pela região, incentivando o desenvolvimento de projetos de investimento, em conjugação com o Gabinete de Apoio ao Investidor da Diáspora.

A cerimónia iniciou-se com a assinatura do protocolo de criação do GAE com a Direção-Geral dos Assuntos Consulares e Comunidades Portuguesas, representada na cerimónia pelo seu diretor geral, o embaixador Júlio Vilela.

Começando por recordar os vários fluxos migratórios que Portugal viveu ao longo da sua história, o presidente da Câmara Municipal congratulou-se pelo facto de hoje a prioridade da Administração Central passar por “proporcionar as melhores condições para que aqui, possam aplicar e concretizar os seus desejos e as suas ambições”.

Ricardo Fernandes destacou ainda o trabalho que tem sido realizado pelo Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, realçando o “acompanhamento, dedicação e presença em vários momentos de dificuldades que os nossos emigrantes atravessaram”.

Considerando que no horizonte daqueles que partiram “está sempre presente o regresso às suas origens”, o autarca afirmou ser “fundamental, estarmos preparados para os receber, prestando todo o apoio, ajudando a ultrapassar aquelas dificuldades com que muitas vezes se depararam com a sua chegada”.

Este apoio destina-se igualmente, “para aqueles que pretendem trabalhar no estrangeiro, procurando o gabinete informar e acautelar a sua deslocação, quer nas questões laborais ou de apoio social”, acrescentou.

Os emigrantes bombarralenses espalhados pelo mundo contam agora com “uma porta de apoio”, onde “no dia em que regressem, encontrarão um modelo inovador capaz de os auxiliar e encaminhar nos mais vários assuntos”, concluiu o autarca.

Por sua vez, o Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas sublinhou o interesse desde logo demonstrado pela autarquia em abraçar este projeto e a força dada pela deputada da Assembleia da República, a bombarralense Margarida Marques, que esteve presente no evento, para que o mesmo fosse concretizado.

Depois de realçar a “força dos portugueses no mundo”, que totalizam cerca de 5,7 milhões, divididos por 178 países, José Luís Carneiro sublinhou que através do GAE “estamos a entregar uma chave ao município que permite a abertura de uma porta de acesso a uma rede consular presente em 148 países e que garante apoio àqueles que querem sair e aos que querem regressar”.

Enumerando algumas das mais valias deste gabinete, o secretário de Estado destacou que “a recuperação dos direitos de reforma é um dos principais pedidos que chegam aos GAE”, e graças ao trabalho desenvolvido nestes gabinetes foi possível “no ano que passou recuperar entre 7 a 8 milhões de euros em direitos sociais”.

“Numa perspetiva de valorizar os portugueses no mundo e o seu contributo para o desenvolvimento local e regional”, como sublinhou o governante, os GAE têm igualmente por missão “identificar e apoiar os investidores portugueses na diáspora”, porque os portugueses, “mesmo estando longe, estão permanentemente com os seus olhos e o seu coração postos nas suas terras de origem”.

Por fim, José Luís Carneiro salientou que “tão importante como o protocolo assinado é o trabalho que se agora inicia”, desejando o governante que o Gabinete de Apoio ao Emigrante do Bombarral possa “entrar nos municípios do país que apresentam as melhores práticas”.

Após a assinatura do protocolo, a comitiva, que inclui vários elementos do executivo camarário, o presidente da Assembleia Municipal, os presidentes da União de Freguesia de Bombarral e Vale Covo e da Junta de Freguesia do Pó, entre outros convidados, seguiu até ao espaço onde está a funcionar o GAE.

Situado no edifício lateral à Câmara Municipal, na Praça do Município, o GAE funciona de segunda a sexta-feira, das 10:00 às 10:00 e das 14:00 às 18:00.
Fonte: Município do Bombarral - Paulo Coelho